Arquivo de Abril, 2012

culture minds | sexta 4 maio 11:00 | programação cultural e públicos da cultura

Nesta segunda entrevista do programa ‘Culture Minds’, Cláudia Madeira e José Soares Neves serão entrevistados por Victor Flores para partilharem as suas observações sobre a cena cultural contemporânea e debaterem as tendências que vêem emergir nas práticas programáticas e de consumo cultural. A hibridização das artes performativas e das artes plásticas, a  participação na cultura como acto de cidadania, a percepção pelo público do trabalho e do pensamento do programador, são algumas dessas questões. O contributo dos estudos de públicos para a compreensão destas realidades e a diversidade e complementaridade destes estudos é também tema neste debate.

Cláudia Madeira é sociologa e autora de “Os Programadores Culturais: Novos Notáveis” e “Híbrido: do Mito ao Paradigma Invasor”, estando a realizar o seu projecto de pós-doutoramento, “Arte Social”, no Instituito de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa. José Soares Neves é também sociólogo e investigador no Observatório das Actividades Culturais, tendo realizado diversos estudos e projectos de investigação na área dos públicos da cultura.  Ambos são docentes no Mestrado em Programação e Gestão Cultural. Victor Flores é docente e coordenador do Mestrado em Programação e Gestão Cultural, e doutorado em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova e Lisboa.

Foto de ferax, no flickr

A entrevista decorrerá no estúdio de televisão do Edifício F (r/c) . Aparece às 10.45 para assistir à gravação!

pirataria – um crime sem vítimas?

culture minds: 27 abril | propriedade intelectual e direito de autor

A primeira entrevista desta série conta com Anabela Afonso e Rosa Videira, entrevistadas por Victor Flores. Será uma oportunidade de esclarecer um conjunto de temas de grande actualidade, como o domínio público e a disponibilização na internet, a protecção e o desenvolvimento económico, os direios morais e patrimoniais do autor, e o direito de autor do programador cultural.

Anabela Afonso é jurista especializada em matéria de Direito de Autor, docente no Mestrado em Programação e Gestão Cultural e doutoranda em Ciências da Comunicação, na Universidade Lusófona. Rosa Videira, também docente no Mestrado em Programação e Gestão Cultural, é assessora jurídica da Secretaria de Estado da Cultura e de várias organizações culturais, como o CCB e a Artemrede, e advogada especializada em questões de direito de autor, lidando diariamente com casos concretos da sua aplicação, nomeadamente no campo das artes e da cultura. Victor Flores é docente e coordenador do Mestrado em Programação e Gestão Cultural, e doutorado em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova e Lisboa.

ccb recebeu 740 propostas de programação para 2013-15: … um caso de estudo!

Citamos Publico online, 18.04:

“Segundo o comunicado da FCCB, das 740 propostas apresentadas, 252 são da área da música, 173 do teatro, 61 da dança e 14 do cinema. Candidatam-se ainda 31 projectos destinados ao serviço educativo e 44 para projectos transversais de artes performativas.
Na área da literatura, cultura portuguesa e ciência, o CCB recebeu 29 propostas, enquanto para exposições foram apresentados 126 projectos. As restantes 10 propostas incluem projectos desportivos, sociais e outros, indica a nota da instituição.

Numa iniciativa inédita, o CCB convidou todos os criadores portugueses, assim como produtores, operadores e agentes culturais, independentemente das suas áreas, a apresentarem propostas de projectos que se pudessem adequar à programação da instituição. Pela primeira vez, o CCB incitou os artistas a procurarem a instituição, contrariando assim a lógica da construção da programação daquele espaço. Isto já acontecia antes com o projecto BoxNova, que se dirige a todos os coreógrafos que desejem apresentar as suas criações, e com o Belém Urbana, no âmbito do festival CCB Fora de Si.

Quando o anúncio foi feito, o presidente da FCCB desde finais de Janeiro, Vasco Graça Moura, explicou que a ideia passava inicialmente por se fazer um levantamento daquilo que existe em Portugal a nível cultural, explicando que as propostas deveriam ter em conta a identidade do espaço.

“Se, como se espera, da presente iniciativa resultarem contributos válidos para a programação das actividades da FCCB, passará ela a ser realizada todos os anos, sendo assumida como acção estruturante do diálogo com criadores, produtores, operadores e agentes culturais”, dizia então o anúncio.

Segundo a nota de imprensa divulgada nesta quarta-feira, a análise das propostas já começou, “com vista à selecção das que possam ser consideradas na programação”.

culture minds | entrevistas programação e gestão cultural

culture minds é um programa de entrevistas a profissionais e especialistas do campo cultural sobre temáticas nucleares da área da programação e gestão cultural. As entrevistas serão filmadas de forma a serem publicadas neste blog e no sítio iTunesU. Para conheceres o programa e veres como podes assistir consulta o cartaz abaixo: