Arquivo de Agosto, 2015

Sector cultural gera riqueza e contribui para a economia

O secretário de Estado da Cultura, Jorge Barreto Xavier, afirmou hoje (27-08-2015) que os dados divulgados através da Conta Satélite da Cultura demonstram que o sector cultural gera riqueza e contribui para a economia.

Sebastião Almeida/Observador

Sebastião Almeida/Observador

Os dados oficiais do sector cultural, de 2010 a 2012, foram compilados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), através de um novo instrumento estatístico do sector, a Conta Satélite da Cultura (CSC).

Os 2,7 mil milhões de euros da Valor Acrescentado Bruto daquele período, gerados pelo sector, são “extremamente relevantes para reconhecer que a cultura, mais do que um ato de despesa, é um ato de geração de riqueza e um contributo para a economia nacional”, sublinhou o secretário de Estado.

Embora as artes do espectáculo apresentem uma maior presença na actividade económica, o sector do livro e de publicações foi o que gerou mais riqueza.

A área do património cultural regista a maior percentagem de emprego remunerado, enquanto as das artes do espectáculo e arquitectura têm maiores valores de pessoas empregadas não remuneradas.

aaa

Fonte: INE/ Conta Satélite da Cultura

Portugal é agora o quinto país da Europa a ter uma Conta Satélite da Cultura, juntando-se à Finlândia, Polónia, Espanha e República Checa.

Mais informação:

http://www.tvi24.iol.pt/politica/jorge-barreto-xavier/a-cultura-gera-riqueza-para-o-pais

http://observador.pt/2015/08/27/riqueza-gerada-pela-cultura-passa-a-ser-contabilizada-em-numeros-e-o-saldo-e-positivo/

http://ionline.pt/408900?source=social

Anúncios